A Coruja-das-neves ou Coruja-do-Ártico

Publicado: 12 de agosto de 2014 em Sem categoria
Hoje vamos conhecer um pouco melhor a: Coruja-das-neves ou Coruja-do-ártico 
 
Ordem: Strigiformes
Família: Strigidae 
 
Distribuição e Habitat :
Encontra-se na tundra, habitando as regiões geladas como a parte norte dos Estados Unidos, Canadá, Alasca, norte da Eurásia, além de regiões do Ártico. No inverno, migram longas distâncias para sul.
Identificação:
De olhos amarelos, este lindissimo pássaro de plumagem branca e bico preto é facilmente reconhecível. A coruja-das-neves mede entre 53 e 65 cm de comprimento, com uma envergadura entre 1,25 e 1,50 m. Podem pesar de 1,8 até 3 kg, é uma das espécies mais pesadas. Apresentam dimorfismo sexual, o macho adulto é virtualmente branco puro, enquanto a plumagem das fêmeas é ligeiramente mais escura.  
 
 
 
 
As crias eclodem cobertas de uma penugem branca, que, após dez dias, escurece para um cinza que fornece melhor camuflagem. O bico da coruja-das-neves, grande e afiado, é preto e é parcialmente escondido na penugem, possuindo uma forma arredondada. 
 
 
 
 
As asas grandes e largas permitem à coruja-do-ártico voar rente ao solo ou acelerar em perseguição das presas. As garras compridas e curvas permitem-na capturar e matar as presas. A plumagem densa que cobre as patas protege contra o frio.
 
 
 
 
Hábitos e Alimentação:
A coruja-do-ártico é uma ave solitária, silenciosa e tímida. Mas, na primavera, cada par que acasala reclama para si um território de caça por meio de guinchos que podem ser ouvidos até 10 km de distância. Durante a época de acasalamento, esta coruja torna-se agressiva quando se sente ameaçada. Na estação quente, a coruja regula a temperatura estendendo e batendo as asas. 
 
 
 
 
Caça principalmente durante o dia. Os ouvidos da coruja, escondidos debaixo de uma plumagem intensa, permite-lhe ouvir pequenos mamíferos debaixo da neve. A coruja-do-ártico faz então um vôo rasante e captura a presa com as garras afiadas. As presas menores, como os lemingues (seus preferidos), coelhos e outras aves, são mortas com um único golpe. Eventualmente a coruja-das-neves também se alimenta de peixes.

 
 
Reprodução:
Esta espécie de coruja é geralmente monogâmica, vivendo muitas vezes os casais juntos durante toda a vida. A corte nupcial começa nos princípios de maio. Em vez de construir um ninho, a fêmea escava um buraco no chão, normalmente um buraco raso. O ciclo de procriação está ligado à dimensão da população de lemingues, a sua principal presa. A fêmea coloca de 5 a 14 ovos que são incubados por cerca de 4-5 semanas. As crias estão aptas a voar cerca de 50 dias depois de eclodirem, aprendendo a caçar logo em seguida. 
 
 
 
 
 

Que tal assistir um curto video sobre esse belo animal?
 
 
 
#Yong
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s